“Spiral”   –   Darkside

 

 

 

Embora 06 de suas 09 faixas tenham sido escritas em 2018, isso não ofusca o brilho do projeto musical composto pela dupla, o vocalista e músico chileno, Nicolás Jaar e o multi-instrumentalista americano, Dave Harrington como continuação do fenomenal lançamento da dupla no já longínquo ano de 2013, “Psychic”, um disco que representou para o cenário eletrônico aquilo que “Kid A” do Radiohead tinha significado para o rock: um novo portal!

Talvez, só a expectativa de um trabalho tão inovador e empolgante como foi o disco de 2013 – algo que nem sempre é possível, convenhamos! – é que justifique a má vontade de alguns sites musicais de renome com relação ao disco atual do projeto.

Se considerarmos que isso nem sempre é viável e não julgo ser razoável exigir tudo isso, mesmo de artistas de qualidade superior como é o caso da dupla citada, pode-se creditar a bílis ao excesso de mau humor desses críticos musicais. Pois o atual projeto do Darkside, na verdade, não merece esse desapreço.

De fato, na opinião do vetusto semanário musical britânico, New Musical Express, entre outros, “Spiral’ é um “projeto magnífico, quase cinematográfico, que nos recompensa a cada passo”. Para a revista a contribuição vocal de Jaar, que não existia no primeiro projeto, trouxe certa fluidez a temas musicais complexos.

Tanto a faixa inicial, “Narrow Road”, quanto “The question is to see it all” e “I’m the echo”, ambas com vocais de Jaar (uma novidade no trabalho do Darkside), “Spiral”, a faixa que dá título ao projeto e”Only Young”, que encerra o disco, e passando por “The limit”, “Lawmaker” e a empolgante “Liberty Bell (as duas últimas também com os vocais de Jaar), as tais três únicas que são novidade, constituem todas elas um trabalho meticuloso e, deixando um pouco de lado essa questão das datas, algo irrelevante no caso, permite-nos afirmar que “Spiral”, o disco em si é um belo trabalho e uma digna continuação para o trabalho de 2013.

“Spiral” continua reafirmando que o Darkside é um projeto de música eletrônica para gente grande. Cerebral e inteligente!