Desde os acordes iniciais com “Private Investigations” até ao encerramento já no Encore, com “Brothers in Arms”, “Money for Nothing” e “So Far Away”, os fãs de rock em Manaus, mesclando um público jovem à tradicional “turma da bengala” tiveram uma noite memorável com o show da Dire Straits Legacy, nesta quarta-feira à noite, 11/05, no Studio 5 Shopping e Convenções.

 

 

 

A apresentação marcou o início da turnê pelo Brasil que celebra os 45 anos de uma das maiores bandas de todos os tempos. Uma turnê que finalmente teve seu início na capital amazonense, após ter sido adiada por conta da pandemia da Covid-19.

Dire Straits Legacy confirmado em Curitiba - Música UrbanaMesmo não contando mais com o icônico vocalista e guitarrista, Mark Knopfler, em carreira solo desde 1987, e a indiscutível alma do legendário grupo, a Dire Straits Legacy é um projeto em permanente evolução e, afastando-se do clichê de reunião ou banda tributo, que mantem viva a memória de canções atemporais, como “Your latest Trick”, “Romeo and Juliet”, “Sultans of Swing” (que marcou o encerramento do show), ”Tunnel of Love”, “Walk of Life”, “Telegraph Road”, “You and Your Friend”, “On Every Street” e muitos outros hits, que foram competentemente interpretados por Alan Clark (teclados), Phil Palmer (guitarra), Mel Collins (sax), Marco Caviglia (voz e guitarra), Primiano Dibiase (teclados), Jack Sonni (guitarra), John Giblin (baixo) e Cristiano Micalizzi (bateria).

Clark é o histórico tecladista do Dire Straits de 1980 a 1985. Ao lado de Alan Clark estão Phil Palmer (direção musical/guitarra/voz), que trabalhou com Dire Straits de 1990 a 1992, e o renomado saxofonista Mel Collins, membro do Dire Straits de 1983 a 1985, que tocou no famoso Alchemy Live Album e no EP Twisting By The Pool. O guitarrista Jack Sonni participou das gravações e turnê do álbum Brothers in Arms.

O baixista John Giblin gravou e fez turnês com Peter Gabriel, Annie Lennox, Phil Collins e a banda Simple Minds. Os italianos que se juntam à banda são o baterista Cristiano Micalizzi, que já trabalhou com Eros Ramazzotti e Laura Pausini, o guitarrista e vocalista Marco Caviglia e o tecladista Primiano Dibiase.

A banda passa, ainda, por Fortaleza, Aracaju, Porto Alegre, Florianópolis, Balneário Camboriú, Curitiba, Goiânia, São Paulo, Vitória… E, conforme revelou o vocalista e guitarrista da banda, Marco Caviglia “mais cidades que virão em novembro para a segunda etapa desta turnê”.