Tenho passado dias pensando em como o amor nasce em nossa consciência.
Plotino | Citações de reflexão, Citações sábias, Frases inpactantesPercebo que ele pode aparecer num repente, mas, também, pode amadurecer lentamente e só o percebermos quando já se passou um bom tempo, que pode ser dias ou anos.
Fico imaginando qual seria a essência desse sentimento que a mim parece tão tranquilizante, tão abastecedor, tão suave e ao mesmo tempo tão efervescente.
Poetas o definiriam com outras palavras, fatalmente, mas essas são as que me ocorrem no momento definindo o amor como algo quase palpável.
Plotino || Plotinus || Defendeu a imortalidade da alma e a reencarnação ||  Possivelmente deu a base essencial para o E… | Espiritismo, Reencarnação,  EspiritualidadePlotino, filósofo egípcio neoplatônico, que viveu nos primórdios da era cristã nos dizia que a emanação é o processo no qual a divindade suprema irradia sua própria substância, criando o Universo, uma extensão de sua natureza divina, de maneira processual, contínua e permanente.
João de Zebedeu nos disse que Deus é amor. Eu acredito que ele quis dizer que Deus emana amor, logo, se a emanação que provém do centro do Universo é segundo Plotino, a extensão de sua própria natureza, eu ouso alterar a tradução da frase de João para Deus é o amor.
E assim pensando que o amor é a presença efetiva de Deus em nossos corações, almas e espíritos, que somos feito à imagem e semelhança de Dele, concluo que nós somos o amor em ação, somos a própria expressão física do amor.
E tantos seres hão que buscam o amor fora de si, que passam a vida em busca do amor de alguém e não se apercebem que são a própria expressão do seu objeto de desejo.
Ama ao teu próximo como amas a ti mesmo, nos disse o nazareno Jesus, nos levando a refletir sobre o reconhecer a Deus nos nossos irmãos.
Se assim considerássemos – em nossa visão de mundo – todos nós seres humanos como a expressão de Deus, poderíamos, certamente, viver num mundo bem melhor, quem sabe o tal paraíso pintado pelos mestres das artes plásticas, cantado pelos poetas e descritos por seres angelicais que sopram em nossos olhos o vislumbre de um sonho que pensamos ser utópico.
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *