Huberto Rohden 

Huberto Rohden (1893 — 1981) foi um filósofo, educador e teólogo brasileiro. Era catarinense, radicado em São Paulo.

Precursor do espiritualismo universalista, escreveu mais de 100 obras (ao final da vida, condensadas em 65 livros), onde franqueou leitura ecumênica de temáticas espirituais e abordagem espiritualista de questões pertinentes a pedagogia, ciência e filosofia, enfatizando o autoconhecimento, a autoeducação e a autorrealização. Propositor da filosofia univérsica, por meio da qual defendia a harmonia cósmica e a cosmocracia, o autogoverno pelas leis éticas universais, conexão do ser humano com a consciência coletiva do universo e florescimento da essência divina do indivíduo, reconhecendo que deve assumir as consequências dos atos e buscar a reforma íntima, sem atribuir à autoridade eclesiástica o poder de eliminar os débitos morais do fiel.

Linhas gerais:

  • O traço marcante no pensamento de Huberto Rohden na filosofia brasileira do século XX é a acentuada preocupação com controvérsias do campo da ética e da pedagogia, próprias da sociedade moderna, e o estudo da metafísica fundamentado na análise comparada de religiões e filosofias espiritualistas do Ocidente e do Oriente.
  • Padre jesuíta durante o início da carreira literária, graduou-se em ciências, filosofia e teologia pelas Universidades de Innsbruck (Áustria), Valkenburg (Holanda) e Nápoles (Itália).
  • Fundador da Instituição Cultural e Beneficente Alvorada (1952), lecionou na Universidade de Princeton (Estados Unidos), American University, de Washington D.C.  (Estados Unidos), e na Universidade Mackenzie (São Paulo, SP). Proferiu palestras nos Estados Unidos, Índia e Portugal.
  • Resultado de imagem para Espiritualismo UniversalistaTendo clareza de mudança de vida e de convicções, de 1945 a1946 solicitou e recebeu Bolsa de estudos para Pesquisas Científicas, na Universidade de Princeton, New Jersey (Estados Unidos), onde conheceu Albert Einstein. Ali lançou os alicerces para o movimento de âmbito mundial da Filosofia Univérsica, tomando por base do pensamento e da vida humana a constituição do próprio Universo, evidenciando a afinidade entre Matemática, Metafísica e Mística. Na capital norte-americana, Rohden freqüentou, durante 3 anos, o Golden Lotus Temple, onde foi iniciado em Kiriya Yoga por Sawami Premananda, diretor hindu desse Ashram (mosteiro). Recebeu, ali, forte influência em sua vida espiritual. Contraiu núpcias com uma norte-americana, da qual teve um filho, do qual não se tem notícias. Mais tarde, não querendo permanecer no Brasil, ela retornou com o filho aos Estrados Unidos. Rohden permaneceu celibatário.
  • Tradutor do Novo Testamento, da Bhagavad Gita e do Tao Te Ching, preocupou-se em editá-los a preços populares, de modo que facilitasse a democratização do conhecimento. Ao longo da vida revisou, atualizou e reescreveu o conjunto dos escritos.
  • Resultado de imagem para Espiritualismo UniversalistaNas obras de meados do século XX, Huberto Rohden já abordava temas que só a partir do final daquele século começariam a se tornar recorrentes na literatura espiritualista brasileira: a cidadania e a consciência cósmicas; a autoeducação como principal meio de autoiluminação; a cosmocracia (autogoverno de acordo com a ética universal); a felicidade via exercício contínuo do autoconhecimento e autorrealização; a espiritualidade de cunho laico, temporal, ecumênico e universalista.
  • A mensagem de sua obra é tornar o homem consciente de sua condição de um ser inteligente, espiritual e integral em rumo de sua evolução, sua filosofia tem um viés de uma reforma interior em que o ser para encontrar sua paz e felicidade necessita conscientizar de seu eu-crístico ou eu-cósmico, teses geradas pela filosofia univérsica, a qual dirigiu por muitos anos.
  • Apesar de ser, como intelectual, o principal precursor brasileiro do espiritualismo universalista e de ter obras com boa distribuição e a preços populares, ainda é pouco conhecido e divulgado na comunidade espiritualista do Brasil o papel pioneiro de Huberto Rohden no âmbito do espiritualismo universalista.

 

Resultado de imagem para Espiritualismo Universalista

 

Movimento Alvorada

Prof. Huberto Rohden, em 1963

Resultado de imagem para Espiritualismo UniversalistaEm 1952, fundou em São Paulo a Instituição Cultural e Beneficente Alvorada, que mantém cursos permanentes, em S. Paulo, Rio de Janeiro e Goiânia sobre Filosofia Univérsica do Evangelho, e dirige Casas de Retiro Espiritual (Ashrams) em Estados do Brasil. Nos anos seguintes, seus dias se passavam entre a Editora Alvorada, na capital paulista, e nesse Ashram, onde oferecia retiros e cursos de espiritualidade. E se dedicava à criação de abelhas.

 

Ao encaminhar‑se para um pensamento universalista, – no sentido de uma interpretação religiosa mais mística, mais universalista quanto à revelação e contato com Deus, – haveria de situar‑se numa preferência por Pitágoras, Platão, Plotino, Orígenes, Santo Agostinho, bem como com todos os filósofos de tendência monista, como Giordano Bruno, Espinoza, Bergson, escreve seu melhor comentador e amigo, Evaldo Pauli.

Resultado de imagem para Espiritualismo UniversalistaPe. Huberto Rohden é um escritor sério e profundo. Poder-se-ia dizer que seu método é ainda o da Escolástica aprendido nos bancos de estudos dos Jesuítas. Por mais que ele insistisse em negar, nele residia um padre católico, um apologeta que tenta apresentar o Cristianismo como pura filosofia e ética. Deseja superar mesmo o Cristianismo, fixando-se nos Evangelhos.

Publicou quase 100 livros de Religião, Filosofia e Ciência. Ao longo da vida revisou, atualizou e reescreveu o conjunto de seus escritos, hoje editados pela Fundação Alvorada e por ele condensados em 65 obras.

Em seus escritos, conferências e retiros Huberto Rohden manifesta, sem dúvida, um amor profundo e pessoal por Jesus, razão de sua vida.

 

Pe. Huberto Rohden teve a existência agitada por muitas conferências pelo Brasil afora, normalmente freqüentadas por piedosos católicos que gostavam de ouvi-lo e permaneciam católicos. Sua figura, postura e comunicação atraíam. O auditório sentia-se diante de um cristão.

Resultado de imagem para Espiritualismo UniversalistaUma seqüência de viagens, com partida de São Paulo na tarde de 2 de agosto de 1969, levou Huberto Rohden à Palestina, Egito, Índia e Nepal. Participou de estudos e fez conferências, contatando grupos de Yoguis da Índia. Seguiu em 1976 para Portugal, realizando ali, a convite, conferências sobre autoconhecimento e auto-realização. Na oportunidade, fundou em Lisboa um Centro de Auto‑Realização Alvorada, setor daquele do Brasil.

Nos últimos anos levou vida de meditação, contato com a natureza, trabalho na horta, apicultura, revisão de suas obras. Escrevia para seus amigos e parentes (Dom Afonso Niehues, Mons. José Locks, Mons. Huberto Brüning e outros): cartas de um homem sereno e seguro, mas que sentia saudades de um mundo que lhe estava definitivamente distante.

À zero hora do dia 7 de outubro de 1981, após longa internação em uma clínica naturista de S. Paulo, aos 87 anos de vida e 61 de ordenação sacerdotal, o professor Huberto Rohden partiu deste mundo e do convívio de seus amigos e discípulos. Suas ultimas palavras, em estado consciente, foram: “Eu vim para servir a humanidade”.

Hoje, seus restos mortais repousam no túmulo de seus pais, em São Ludgero.

Resultado de imagem para Espiritualismo UniversalistaSeria injustiça negar a fé e espiritualidade desse homem que escreveu essa bela oração: “quero passar o meu céu, aqui na terra, trabalhando por que os homens te conheçam, Senhor, te amem, te sirvam e sejam felizes em ti, como eu sou feliz em ti, meu Senhor e meu Amigo” (Huberto Rohden)

E essa profissão de fé: “O que, todavia, sei é o seguinte: que todo homem que teve o seu encontro pessoal com Deus sabe que existe dentro de sua alma um lugar seguro, um baluarte inexpugnável, uma fortaleza indestrutível, para dentro da qual pode a alma refugiar-se em pleno campo de batalha, em pleno furor da tempestade, e viver em profunda paz e serenidade interior. […] De ti é que vim, em ti estou, a ti voltarei – é essa toda a minha filosofia, o meu mundo inteiro”. (Huberto Rohden)

 

E conclui com Agostinho:

Fizeste-me para ti, Senhor, e inquieto está o meu coração até que ache quietação em ti”  (Huberto Rohden)

 

Resultado de imagem para Espiritualismo Universalista

 

Fontes :

Wikipédia  Huberto Rohden

Padre Huberto Rohden : “Um longo Caminho”

 

Para consultar a bibliografia completa de Huberto Rohden acesse a Wikipédia  Huberto Rohden

 

0 respostas

Deixe uma resposta

-
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *