LONG JOHN BALDRY ( 1941 – 2005 )

 

Batizado com o nome de John William Baldry, este cantor de”blues”inglês nascido no Devonshire chegou  a  ter 2,01 mts. De altura, o que lhe rendeu a alcunha de Long (grande, longo)  John Baldry.

Abençoado com uma voz rica e profunda, ele foi um dos primeiros vocalistas britânicos a cantar música blues. No começo dos anos  60  ele participou da banda Alexis Korner’s Blues Incorporated, com a qual gravou o primeiro álbum de blues inglês em 1962, “R & B from The Marquee” . Popular no circuito de clubes londrinos, Baldry começou a gravar com uma banda chamada Bluesology, alcançando o sucesso com gravações como “Let the Heartaches Begin” e “Mexico”.

Ele cantou com a maioria dos grandes cantores daquela época, como Elton John e Rod Stewart e nos palcos fazia parte da banda que além dele tinha Mick Jagger, Charlie Watts e Jack Bruce; quando os Stones fizeram seu debut no Marquee Club em 1962, Foi amigo de Paul McCartney.

Em 1963 ele formou a Cyril Davies R&B All Stars, com Nicky Hopkins no piano; com a morte de Cyril Davies em 1964, a banda passou a chamar-se Long John Baldry & His Hoochie Coochie Men, tendo também Rod Stewart como vocalista; em 1965, a banda mudou o nome para Steampacket, agregando Julie Driscoll como vocalista feminina & Brian Auger no órgão. Em 1996 ele formou a  banda Bluesology com Reg Dwight no piano, Caleb Quaye e Elton Dean nas guitarras. Reg Dwight adotou o nome artístico de Elton John, usando o primeiro nome como homenagem a Dean e o sobrenome a Baldry. Assumidamente gay, no ambiente altamente homofóbico dos anos 60, foi Long John Baldry quem ajudou Elton John a assumir sua verdadeira sexualidade, depois que o grande astro britânico tentou o suicídio após uma experiência frustrante com uma mulher, que chegou a resultar em casamento. A música “Someone saved my life tonight”  do álbum “Captain Fantastic & The Brown Dirt Cowboy”, um dos grandes sucessos de Elton John, é em homenagem a esse episódio

A década de 70 foi marcada por alguns problemas mentais de Long John Baldry, que chegou a ser hospitalizado em decorrência disso, em 1975. Depois de morar em Nova Iorque por algum tempo, em 1978 Baldry mudou-se para o Canadá, onde se tornaria um cidadão honorário. Ele continuou a gravar e a viajar em turnês durante os anos 90 e 2000, contando com o apoio fiel de seu séquito de fãs.

 

 

 

 

 

Após um longo tempo doente, Baldry morreu aos 64 anos em um hospital em Vancouver, vítima de infecção pulmonar..

 

0 respostas

Deixe uma resposta

-
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *