Até o tempo, que ameaçava com promessas de assustadores e intermináveis aguaceiros, tão comuns e imprevisíveis nesta época do ano em todo o estado da bela e Santa Catarina, condescendeu em vestir-se de gala e coroar a noite gelada (algo que não poderia ser diferente, já que estávamos às portas do Inverno, no hemisfério sul ) de quinta-feira, 18/06, com um exuberante  céu de brigadeiro, estrelado e sem nuvens.

 

Estávamos na noite em que a Direção do Núcleo Espírita Nosso Lar (N.E.N.L.) de Forquilinhas – Grande Florianópolis, obedecendo a uma instrução dos Mentores que assistem a este grande Hospital Espírita – que é hoje uma referência incomparável em todo o território brasileiro, e cuja fama já se espalhou até para fora das fronteiras do país – conclamou os 890 médiuns voluntários da casa, que estão em efetiva atividade,  de um universo total de 2.200 cadastrados, para uma egrégora que tinha como premissa proporcionar a todos uma sintonia cada vez mais adequada à energia dos Mentores Espirituais, aliviando-os de tensões, aproximando-os do Cristo e, através disso, lograr uma melhoria no ambiente de trabalho das duas unidades mantidas pelo Nosso Lar: o já mencionado N.E.N.L. de Forquilinhas e oResultado de imagem para nosso lar forquilhinhas C.A.P.C. (Centro de Atendimento ao Paciente Canceroso) no Ribeirão da Ilha, no Sul da Ilha de Santa Catarina, que, como o próprio nome explicita, tem como finalidade oferecer um tratamento complementar inteiramente gratuito, não só aos pacientes afetados por essa terrível enfermidade mas também àqueles que apresentem qualquer outro tipo de enfermidade degenerativa, bastando para tal que se apresentem na sede do N.E.N.L. , em Forquilinhas, às 07:00 hs. de qualquer segunda-feira, munidos apenas de um diagnóstico médico legal que os identifique como portadores de tal enfermidade, para, após uma triagem inicial, serem direcionados para o tratamento espiritual específico.

Resultado de imagem para nosso lar forquilhinhasNão que tais eventos sejam novidade na rotina de todos nós, voluntários do Nosso Lar, pois essa é uma prática à qual a Espiritualidade que rege os trabalhos desse Hospital Espírita costuma recorrer sempre que julga ser necessário. Na minha humilde apreciação – certamente muito particular, pessoal  e confinada apenas aos modestos cinco anos de voluntariado que possuo – nada no entanto que tenha igualado a beleza, brilho espiritual e perfeição do extraordinário evento espiritual ocorrido em Forquilinhas nessa noite iluminada de quinta-feira.

Já na recepção, um corredor de dedicados voluntários, usando as tradicionais roupas brancas, acrescidas de agasalhos que as exigências da estação invernosa tornavam naturalmente mais elegantes, encarregaram-se de gentil e ordeiramente encaminhar os restantes  400 voluntários que atenderam ao convite da Espiritualidade até ao auditório central do Núcleo, aonde se desenrolou a cerimônia, britanicamente encenada entre as 22:00 hs. de quinta-feira e a 01:00 h. de sexta-feira.

 

Resultado de imagem para nosso lar forquilhinhasForam 03 horas em que a etérea presença da Falange de Espíritos de Bondade tornou-se quase palpável, impregnando aquele ambiente de Paz e de Caridade com poderosos influxos de energia, que contagiou e beneficiou a todos os presentes. Já nas palavras de acolhimento inicial, sob a égide dos Mentores Espirituais da Casa, ficou claro que nós, privilegiados assistentes, vivenciaríamos momentos de profunda elevação espiritual naquelas 03 horas de oração, recolhimento e aprendizado. O “maestro,  Álvaro Farias, Dirigente maior do Núcleo, infatigável e particularmente inspirado, fez uso de seus excepcionais dotes oratórios e alternou momentos de divertida descontração com belíssimos discursos, nos quais, entre vários outros temas, realçou o papel de Maria, como medianeira protetora da Humanidade,  e, usando tal tema como mote,  relembrou a necessidade imperiosa e cada vez mais atual do ser humano, e , particularmente, daqueles do sexo masculino, de cultivar e aprimorar o seu lado Yin, um dos conceitos  da dualidade, dos  elementos opostos e complementares (o outro é o Yang), que o Taoismorelaciona com o lado feminino e todos os seus atributos – compaixão, delicadeza, sensibilidade, etc… – e que é representado por um símbolo, hoje conhecido universalmente, no qual os dois elementos opostos se interpenetram, simbolizando o movimento contínuo e constante de evolução dos atributos de um para os do outro. Entrementes, o Coral do Núcleo levava a plateia aos ápices da emoção, entoando a “Ave Maria” de Gounod e outros cânticos apropriados à ocasião, entremeados pela leitura de trechos selecionados do Evangelho de Cristo; num momento especialmente sublime em seu despojamento, o voluntário José Ersching, deve ter feito toda a Espiritualidade presente sorrir e regozijar-se de puro contentamento ao entoar acompanhado apenas de seu violão o hino de Roberto & Erasmo, “Como é grande o meu amor por você”, que, naquele momento e naquele local, encontrava o pano de fundo perfeito como expressão musical e poética. Instantes de imensa beleza, produzidos pela simplicidade anônima de pessoas comuns! O evento foi encerrado quando os voluntários que fazem a Segurança Espiritual da Casa, confiada à proteção dos Charruas, e aqueles que fazem parte do Grupo Andino, formaram uma emocionante corrente energética para fluidificar a água trazida pelos demais voluntários. Um final majestoso para um evento com organização de tal forma impecável que nem o mais empedernido “espírito de porco”  (para usar uma expressão de uso consagrado, mas que, a bem da verdade, só é humanamente cruel com o doce suíno que emprestou seu nome a uma associação tão cruel) saberia apontar sequer uma mínima falha.

Verdadeiramente, uma noite com a Espiritualidade e a isso podemos chamar de viver o extraordinário!

 

 

P.S.: Quem tiver interesse em registrar-se como Voluntário no Núcleo Espírita Nosso Lar ou no C.A.P.C.,deve procurar a Secretaria do Núcleo na:

R. Vereador Arthur Manoel Mariano, 2.280 – Forquilinhas

– São José – SC – Brasil , CEP  88.106-500,

ou pelo fone 55 48  3357 0045

C.A.P.C. (Centro de assistência ao Paciente Canceroso)

Nosso Lar

EM    BUSCA   DA  CURA

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *